+244 924 901 280

Rua Tipografia Mamã Tita , edifício Soleil, Ingombotas Luanda, Angola

NOTA DE IMPRENSA FILDA 2018

Luanda, 15 de Maio de 2018: O Ministério da Economia e Planeamento realiza de 10 a 14 de Julho de 2018 a 34ª edição da Feira Internacional de Luanda sob o lema “Diversificar a Economia, Desenvolver o Sector Privado”.

Este ano, o evento será realizado  no novo Parque de Exposições de Luanda, sito na Zona Económica Especial Luanda-Bengo.

A escolha da ZEE- Luanda- Bengo resulta do facto deste local possuir um espaço amplo e reunir, entre outros aspectos, as seguintes características:

a) Foi concebido com o objectivo de atrair investidores nacionais e internacionais e, por esta via, incentivar o desenvolvimento económico da região e do País;

b) Próximo às novas centralidades do Zango, Kilamba e Sequele, que tem acesso privilegiado pelas principais vias de ligação à Luanda, via Expressa, Via Cacuaco e Via Sequele;

c) Localização próxima de Hotéis e serviços, com as condições necessárias para acolher as entidades nacionais e estrangeiras, que careçam deste tipo de facilidades.

Pretende-se com o evento, alcançar os seguintes objectivos: (i) promover e desenvolver o potencial económico e industrial do País; (ii) atrair investimentos capazes de fomentar o desenvolvimento sustentado; (iii) reunir agentes económicos e sociais; e (iv) valorização do tecido empresarial angolano.

Esta iniciativa, de grande projecção internacional, tem sido, ao longo de mais de 33 anos consecutivos, considerada como uma das maiores portas de entrada de Investimento Directo Estrangeiro, bem como uma das principais alavancas de promoção do nosso país e da nossa produção nacional. Assim, mais do que uma necessidade, a dinamização dos sectores produtivo, das exportações e do estabelecimento de parcerias estratégicas e comerciais constituem-se num desígnio nacional, imperativos para o relançamento da economia, permitindo a entrada para um ciclo económico não dependente do petróleo.

Para a edição de 2018, perspectiva-se a participação de cerca de quinhentos expositores, dentre nacionais e estrangeiros que operam ou têm interesse em operar no mercado Angolano, bem como estabelecer parcerias e promover os seus produtos.

Perspectiva-se igualmente um nível de participação dos tradicionais sectores, com destaque para os seguintes:

a) Ambiente, Energia e Petróleos;
b) Agrícola e Pecuário;
c) Alimentação e Bebidas;
d) Banca e Financeiro;
e) Comércio Geral;
f) Construção e Imobiliário;
g) Entidades Governamentais / Públicas;
h) Educação, Formação e Cultura;
i) Hotelaria e Turismo;
j) Indústria Transformadora e Extractiva;
k) Logística e Transportes;
l) Máquinas e Equipamentos (Multisectores);
m) Participações Internacionais Multissectoriais;
n) Publicidade, Marketing e Gráfico;
o) Têxtil, Moda e Decoração;
p) Saúde, Hospitalar, Químico e Farmacêutico;
q) Telecomunicações e Tecnologias de Informação;
r) Órgãos de Comunicação Social;
s) Associações.

 

A FILDA 2018 vai decorrer sob gestão da empresa Eventos Arena, entidade especializada na produção, promoção, organização e gestão de Feiras e Eventos, que assinou um contrato, em 2016, com o extinto Ministério da Economia, para realizar 3 edições da FILDA.

Recorde-se que a FILDA é um evento multissectorial de exposição e negócios, que junta, anualmente, empreendedores nacionais e estrangeiros numa plataforma multidimensional que propicia o estabelecimento de contactos e relações comerciais. A última edição decorreu na Baía de Luanda.

gestao